Grupo Feijão Queimado é o campeão do ‘Arraial de Belô 2012’

Grupo Especial
O Grupo Feijão Queimado, do bairro Itatiaia, região da Pampulha, é o grande campeão do Arraial de Belô 2012. Nos dias 29,30 e 1 de julho, o Grupo Especial ofereceu às 75 mil pessoas que lotaram a Praça da Estação, apresentações de quatorze quadrilhas juninas de todas as regiões de Belo Horizonte. Com muita criatividade, coreografias elaboradas, roupas típicas e muita animação, os grupos levantaram o público das arquibancadas que acompanhou as apresentações com faixas e gritos de apoio.
Durante a apuração, na tarde de segunda-feira (2), no Parque Municipal, a leitura das notas dos jurados revelou o décimo título da quadrilha Feijão Queimado que, em 2013, irá representar Minas Gerais no concurso nacional de quadrilhas juninas.
Walquírio Araújo, integrante do grupo campeão, comemorou o resultado. “É uma emoção muito grande. Nossa quadrilha existe há 33 anos, acompanhou toda a evolução do Arraial de Belô e hoje conquista seu décimo título. Ensaiamos durante seis meses para disputar o troféu e honrar a nossa tradição.”
Os grupos Capão da Mandioca, Pega Frango, Jiló com Mel e Sol Nascente, quatro últimas colocadas na disputa, caem para o Grupo de Acesso em 2013.
Grupos vencedores
1° lugar-  Feijão Queimado
2° lugar- São Gererê
3° lugar- Beija Flor de Minas
4 ° lugar- Pé de Serra
Premiação
1º. lugar – R$ 12.000,00;
2º. lugar – R$ 10.000,00;
3º. lugar – R$ 8.000,00;
4º. lugar – R$ 6.000,00;

Anúncios

Sobre Palha Seca

O Grêmio cultural e recreativo Arraiá do Palha Seca, é reconhecido pela União Junina de Minas Gerais e possui registro de pessoa jurídica como projeto social instaurado no bairro Monte Azul, em Belo Horizonte. Conhecido como Palha Seca popularmente, consiste em um grupo de pessoas que trabalham em prol do resgate histórico-cultural mineiro representado pela dança, usando a quadrilha junina como principal vertente. O grupo conta com colaboradores que trabalham como equipe de apoio e além do presidente do grupo, contam com uma diretoria composta por um diretor de comunicação, um tesoureiro e um grupo de coreografia, todos dançarinos que exercem sua função de acordo com sua formação acadêmica, de forma voluntária. O grupo conta com 14 casais de dançarinos voluntários que começam a ensaiar no inicio do ano, já no mês de janeiro, em prol da qualidade e da fidelidade na representação do tema abordado pela quadrilha.
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s